O curso sob medida para você

set
19

O curso sob medida para você

Escolher a profissão não basta. É preciso analisar também que tipo de formação atende melhor às suas necessidades.

Foi-se a época em que, para “ser alguém na vida”, você tinha de fazer um bacharelado. Cursar uma universidade continua sendo, sim, muito importante para a vida profissional. No entanto, essa não é a única opção para alcançar o sucesso. A fim de abastecer um mercado de trabalho cada vez mais exigente e dinâmico, as escolas oferecem diversas modalidades de curso superior que qualificam você para exercer diferentes atividades.

Além dos tradicionais bacharelados e licenciaturas, há ainda os cursos tecnológicos, os sequenciais e os de graduação modulada. Todos fazem parte do ensino superior e para ingressar num deles é necessário submete-se a algum tipo de processo seletivo. No entanto, as atribuições do profissional formado em cada um são diferentes. O tempo que você leva para tirar o diploma também varia. Explicamos, a seguir, as principais características de cada curso, para facilitar sua tarefa de escolher aquele feito sob medida para você.

BACHARELADO

O que é: curso abrangente, que dá boa base científica e teórica. Os bacharelados constituem a formação exigida para que se possam exercer as profissões universitárias regulamentadas por lei. Na maioria dos casos, você recebe o título de bacharel, como em Jornalismo (ou Comunicação Social), História e Direito. Entretanto, há cursos que, apesar de não conceder o título de bacharel, têm o mesmo valor. É o que acontece em Medicina, nas Engenharias, na Arquitetura e na Odontologia.

Duração média: de quatro a cinco anos.

Documento de conclusão: diploma de bacharel.

Para continuar estudando: depois de formado, você pode fazer uma pós-graduação stricto sensu (mestrado e doutorado) ou lato sensu (especialização).

Fique ligado: o diploma, para ter validade, precisa ser expedido por instituições que ofereçam cursos autorizados e reconhecidos pelo MEC.

LICENCIATURA

O que é: curso específico para formar professores. Há vários tipos de licenciatura, que habilitam a dar aulas em diferentes níveis de ensino. O Curso de Pedagogia destina-se a quem pretende lecionar para a educação infantil e nas cinco primeiras séries do ensino fundamental. As licenciaturas em História, Matemática ou Geografia, por exemplo, formam professores dessas matérias para alunos da 6ª à 9ª séries do ensino fundamental ou de qualquer série do ensino médio. Para lecionar Ciências, é preciso ter a licenciatura em Ciências Biológicas ou Biologia. Outra opção para dar aulas no ensino médio ou nas quatro últimas séries do ensino fundamental é fazer um bacharelado normal, em qualquer área, e complementar o currículo com disciplinas pedagógicas. O curso de Pedagogia pode ser um bacharelado – indicado a quem se interessa pela pesquisa na área de educação – ou uma licenciatura – para quem quer, realmente, ensinar.

Duração média: quatro anos. Quem faz um bacharelado cursa as disciplinas pedagógicas complementares nos últimos anos da graduação.

Documento de conclusão: diploma de licenciado.

Para continuar estudando: depois de licenciado, você pode seguir um mestrado e um doutorado, que qualificam o professor a lecionar em faculdades e universidades.

Fique ligado: os cursos de licenciatura plena exigem 300 horas de estágio, no mínimo, e dão acesso à pós-graduação.

TECNOLÓGICO
O que é: curso de graduação destinado à formação de profissionais de diversos setores da economia, comênfase nos aspectos técnicos e administrativos dos negócios. Costuma ser criado para suprir as necessidades imediatas do mercado de trabalho  o que significa que você tem boa chance de conseguir um emprego antes mesmo de tirar o diploma. A maioria dos cursos é voltada para o setor industrial. Mas existem tecnólogos das mais diversas áreas  desde Gestão de Serviço e Prótese Odontológica até Gestão Ambiental e Hotelaria.

Duração média: de dois a quatro anos, dependendo do curso.

Documento de conclusão: diploma de tecnólogo.

Para continuar estudando: com o diploma na mão, você pode partir para um bacharelado ou saltar direto para uma pós-graduação, lato sensu (especialização) ou stricto sensu (mestrado e doutorado).

Fique ligado: além da carga horária mínima dos cursos tecnológicos, que varia de 1.600 a 2.400 horas (dois a três anos), você terá de dedicar um tempo ao estágio supervisionado, quando esse for obrigatório, e à preparação do trabalho de conclusão de curso.

SEQUENCIAL

O que é: curso eminentemente prático, que visa a abastecer o mercado de trabalho de mão de obra especializada em setores que estão crescendo muito depressa ou a aprimorar os conhecimentos previamente adquiridos pelo aluno, quer no ensino médio ou de nível técnico, quer num curso de graduação ou ainda no exercício de uma profissão. Por exemplo, para trabalhar no setor de turismo, você pode começar por um sequencial em Hotelaria. Há dois tipos de curso sequencial:

• Formação específica: é voltado para quem está saindo do ensino médio e quer adquirir uma formação que lhe permita começar a trabalhar logo.

Duração média: a carga horária não poderá ser inferior a 1.600 horas, a ser cumprida em pelo menos 400 dias letivos, o que equivale a cerca de dois anos.

Documento de conclusão: você recebe um diploma, mas que não vale como um de bacharel ou de licenciado. Dessa forma, você não pode fazer um mestrado nem doutorado, mas, sim, um curso de especialização – lato sensu.

Fique ligado: a instituição que oferece esse tipo de sequencial deve ter curso de graduação reconhecido na área do conhecimento do curso sequencial ministrado. Isso quer dizer, por exemplo, que o sequencial de webmaster (que qualifica profissionais a trabalhar com ferramentas específicas para a internet) só pode ser oferecido por uma universidade ou faculdade que mantenha um curso de Ciências da Computação autorizado e reconhecido pelo MEC.

• Complementação de estudos: destinado a quem quer ampliar os conhecimentos em determinada área e já tem alguma formação profissional, seja um diploma de graduação, seja um de ensino médio. Ele pode ser ministrado com destinação individual, ou seja, montado a pedido do aluno, que escolhe as matérias que quer cursar, ou com destinação coletiva, oferecido às turmas formadas por iniciativas da faculdade ou universidade.

Duração média: variável. Não precisa oferecer um mínimo de horas ou de dias letivos.

Documento de conclusão: você não recebe um diploma, mas apenas um certificado de conclusão.

Fique ligado: esse não é um curso de graduação. Como não recebe diploma, você não pode seguir direto para uma pós-graduação.

EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA

O que é: qualquer forma de ensino e aprendizagem em que professores e alunos não estão juntos na sala de aula. Esses cursos, chamados não presenciais, podem ser dados de inúmeras maneiras: por correspondência, telefone, televisão, rádio ou internet  esta última, a forma mais comum. Os cursos de nível superior precisam ser reconhecidos pelo MEC, e a escola deve ter a mesma opção de forma presencial. Assim, uma instituição só pode oferecer uma licenciatura em Ciências Biológicas a distância se tiver turmas fazendo a mesma graduação, de modo tradicional. Esse também é um curso no qual o ingresso se dá por meio de processo seletivo.

Duração média: varia de acordo com a modalidade oferecida (bacharelado, licenciatura ou tecnológico). Em todos os casos há um limite para a conclusão: nenhum aluno pode ultrapassar em mais de 20% o período previsto pela escola para o término.

Documento de conclusão: corresponde ao do curso ministrado (diploma de bacharel, de licenciado ou de tecnólogo).

Fique ligado: os exames finais de todas as disciplinas dos cursos superiores a distância são sempre presenciais, ou seja, feitos em sala de aula.

 

Fique de olho!
Antes de se matricular, verifique se o curso escolhido é autorizado e reconhecido pelo MEC. Caso contrário, você corre o risco de o seu diploma não ter validade. Essa informação deve constar no catálogo das condições de oferta dos cursos, que toda universidade ou faculdade é obrigada a publicar e colocar à disposição dos alunos e vestibulandos na secretaria. Informe-se no site www.mec.gov.br/sesu ou pelo e-mail webmec@mec.gov.br.

About the Author:

Leave a Comment!

You must be logged in to post a comment.